Topo do site Secretaria de Saúde

  • Secretaria Municipal de Saúde

    Secretaria Municipal de Saúde

Notícias

Magé é referência em combate à Dengue e sai do grupo de risco de epidemia

dengue p

Magé se tornou referência no estado do Rio de Janeiro em relação ao combate à Dengue. A cidade conseguiu diminuir substancialmente o número de focos do mosquito Aedes Aegypti fazendo com que o município faça parte do grupo de baixo risco de epidemia da doença infectocontagiosa. O bom resultado é consequência do forte trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde, através da FUNASA (Fundação Nacional de Saúde).

"O município de Magé é destaque em relação ao combate à dengue porque o mageense entendeu que ele também faz parte dessa luta contra a doença. A nossa mobilização e conscientização da população sobre como evitar que o mosquito se prolifere surgiu um resultado muito positivo. Passamos o período do inverno sem nenhum caso de morte pelo vírus transmitido pelo Aedes aegypti", declara o secretário municipal de Saúde Sidney Cerqueira.

Leia mais...

 

Prefeitura de Magé cria abrigo para pacientes psiquiátricos alocados em outros municípios

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

Fotos Jorge Luiz 13

Com o apoio do Governo Federal, a Prefeitura de Magé inaugurou o SRT (Serviços Residenciais Terapêuticos) de Piabetá. O programa, que consiste em moradias inseridas na comunidade destinadas a pessoas com transtorno mental, egressas de hospitais psiquiátricos, atende oito pacientes mageenses, antes alocados em outros municípios como: Rio Bonito, Paracambi e Quatis.

"O caráter fundamental do SRT é ser um espaço de moradia que garanta o convívio social, a reabilitação psicossocial e o resgate de cidadania do sujeito, promovendo os laços afetivos, a reinserção no espaço da cidade e a reconstrução das referências familiares", explica Marco Roca, responsável pela área de psiquiatria da Secretaria Municipal de Saúde de Magé.

Leia mais...

 

Prefeitura de Magé investe em campanha contra doenças transmissíveis

08-08-2014- Saúde em Ação Mauá - Fotos Nando Fernandes 42

A secretaria municipal de Saúde e Vigilância Sanitária desenvolveram várias ações de prevenção às doenças transmissíveis por bactérias ou vírus. Além de disponibilizar material gráfico informativo falando sobre os cuidados que se deve ter, também são distribuídos preservativos masculinos e femininos, para serem evitadas as doenças transmitidas sexualmente.

Tanto a hanseníase quanto a tuberculose são doenças transmissíveis por bactérias. Já as DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis) são contraídas por vírus. A vigilância sanitária trabalha com a busca ativa de casos. O doente é identificado por intermédio de exames que podem ser feitos em qualquer unidade básica de saúde.

Leia mais...

 

Farmácia municipal facilita distribuição de medicamentos aos pacientes

Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 

 

Farmacia-Municipal--foto-Marcelo-Dias-3Em 29 de março deste ano, a gestão de Magé apostou em um novo projeto: a Farmácia Municipal. Após quatro meses da inauguração do primeiro polo em Mauá, o quinto distrito, é possivel conferir os resultados positivos como a facilidade na distribuição dos medicamentos aos pacientes, e a agilidade para o início dos tratamentos.

De acordo com os dados da Coordenação de Assistência Farmacêutica, da Secretaria Municipal de Saúde, somente na farmácia básica - onde são encontrados os medicamentos comuns como sulfato ferroso, vitamina C e amoxicilina - foram 432.570 unidades entregues aos pacientes, de 101 tipos diferentes.

Leia mais...

 

Prefeitura de Magé leva doadores de sangue todos os sábados ao Hemorio

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

 

sangue-site

Para facilitar a vida dos doadores de sangue mageenses, a Prefeitura de Magé, através de sua agência transfuncional, disponibiliza transporte para o Hemorio todos os sábados de manhã. A ida ao instituto também serve para a Secretaria Municipal de Saúde abastecer o banco de sangue do município. O material, imprescindível nas unidades hospitalares da cidade, é cedido desde que Magé consiga manter a sua cota mensal de doadores de sangue.

São levadas 14 pessoas por sábado ao Hemorio. Para doar, é preciso ser maior de 18 anos, pesar acima de 50 quilos, não ingerir bebida alcoólica ou qualquer outro tipo de droga nas 12 horas anteriores à doação, não ser paciente de alto risco e não ter tatuagem feita em menos de um ano. Caso necessário, o instituto fornece um documento legal para justificar a ausência no trabalho.

Leia mais...

 

Evento Saúde em Ação atende população carente de Mauá

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

08-08-2014- Saúde em Ação Mauá - Fotos Nando Fernandes 15

 

A Prefeitura Municipal de Magé, através da sua Secretaria Municipal de Saúde, realizou o evento Saúde em Ação, no posto 24 Horas de Mauá, de 9 às 17 horas, desta sexta-feira (8). Com a programação bem variada, a ação social ofereceu à população carente da cidade os serviços de: preventivos, eletrocardiogramas, raios-X, verificação de glicose e aferição de pressão.

Sucesso de público, o evento também levou informações importantes sobre prevenção de algumas doenças, que quando evitadas, podem melhorar muito a qualidade de vida dos mageenses. Agentes qualificados abordaram as pessoas presentes para falar sobre: Dengue, doenças sexualmente transmissíveis, Tuberculose, Hanseníase, Hiperdia (Programa de Hipertensão e Diabetes), Paismca (Programa Saúde da Mulher e da Criança), saúde bucal, saúde do idoso e Sisvan (Programa de Nutrição).

Leia mais...

 

Evento Saúde em Ação atende população carente de Mauá

08-08-2014- Saúde em Ação Mauá - Fotos Nando Fernandes 15

A Prefeitura Municipal de Magé, através da sua Secretaria Municipal de Saúde, realizou o evento Saúde em Ação, no posto 24 Horas de Mauá, de 9 às 17 horas, desta sexta-feira (8). Com a programação bem variada, a ação social ofereceu à população carente da cidade os serviços de: preventivos, eletrocardiogramas, raios-X, verificação de glicose e aferição de pressão.

Sucesso de público, o evento também levou informações importantes sobre prevenção de algumas doenças, que quando evitadas, podem melhorar muito a qualidade de vida dos mageenses. Agentes qualificados abordaram as pessoas presentes para falar sobre: Dengue, doenças sexualmente transmissíveis, Tuberculose, Hanseníase, Hiperdia (Programa de Hipertensão e Diabetes), Paismca (Programa Saúde da Mulher e da Criança), saúde bucal, saúde do idoso e Sisvan (Programa de Nutrição).

Leia mais...

 

Profissionais da rede de saúde agora contam com formação continuada

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

04-08-2014- curso de BLS enfermagem- Nando Fernandes 32Durante o mês de agosto, a equipe de enfermagem da Unidade 24 horas de Fragoso vai receber treinamento voltado ao atendimento de emergência. Nesta segunda-feira (4), a qualificação começou pelo curso de Suporte Básico de Vida (BLS - Basic Life Support), para técnicas de enfermagem, enfermeiras e acadêmicos.

Rosemere Jacinto Cordeiro, 47, é enfermeira e já atua na rede municipal de saúde há 15 anos. Ela explica que a capacitação é uma novidade para os profissionais da cidade. "Está sendo muito bom, ela serve para nos atualizar do novo protocolo e dar uma qualidade melhor de atendimento ao paciente".

Leia mais...

 

Pacientes aprovam melhorias no Hospital Municipal de Magé

 

04-08-2014--Entrevista-no-HPara melhorar a saúde pública dos mageenses, a prefeitura realizou várias reformas no Hospital Municipal de Magé. Além de mexer na estrutura física do prédio, a adaptando para pessoas com necessidades especiais e mudando a sua entrada principal para a Rua Pio XII, o que facilitou a chegada dos pacientes, a emergência do hospital também foi mudada de lugar para aumentar sua capacidade de atendimento, diminuindo o tempo na fila de espera.

Satisfeita com as mudanças no HMM, a população da cidade diz o que achou das mudanças na unidade hospitalar que é o principal hospital público do município. "Melhorou muito depois dessa reforma. Parece que virou outro hospital. Hoje, a gente pode chegar e ser medicada com tranquilidade. Antes isso daqui era uma sujeira. O tratamento está muito melhor aqui. Não só o tratamento como a reforma toda ficou muito boa", declara Selma Siqueira de Oliveira Luiz, de 55 anos.

Leia mais...

 

Página 1 de 18